Desenvolvimento costeiro destrói ondas para surf

0
70
destruction maldives waves
destruction maldives waves

Alguns dos melhores pontos de surf nas Maldivas estão ameaçados e destruídos pelo desenvolvimento e infraestrutura costeira.

A Coalizão Save the Waves e as comunidades locais de surf lançaram uma campanha internacional para aumentar a conscientização sobre o problema.

A organização não governamental (ONG) quer proteger os ecossistemas de surf que são imediatamente ameaçados por projetos de desenvolvimento que afetam alguns dos Os pontos de surf mais valiosos das Maldivas

A Save the Waves exorta o governo das Maldivas a impedir que interesses privados destruam os maiores locais de surf do país.

“Exigimos que as ondas sejam reconhecidas por seu valor biológico, social e econômico”, diz Save the Waves.

“Queremos que eles sejam incluídos na avaliação ambiental de projetos de desenvolvimento potencial e integrados ao planejamento do espaço marinho e aos processos de áreas marinhas protegidas.

Save the Waves enfatiza que se um projeto danificar essas ondas, elas devem ser restauradas ao seu estado original.

Maldivas: Os melhores spots de surf do país estão ameaçados por projetos de desenvolvimento |  Foto: Ahmed Aznil

Galinhas e cauda estão em perigo

Parceiros locais estimam que cerca de 20 ondas estão imediatamente ameaçadas, já danificadas ou perdidas devido ao desenvolvimento.

Duas das melhores e mais acessíveis ondas das Maldivas, galinhas e coca, são imediatamente ameaçadas por projetos de infraestrutura que podem alterar significativamente a onda e o ecossistema circundante.

Pollos, uma das melhores e mais acessíveis ondas das Maldivas, foi significativamente alterada pela construção de um dique na ilha.

Muitas outras ondas também enfrentam projetos de infraestrutura semelhantes.

Isso prejudicará as ondas, os ecossistemas de recife e as comunidades de surf que dependem desses locais.

“Nossa campanha aumenta a conscientização internacional e regional sobre as muitas ondas ameaçadas. Estamos trabalhando diretamente com agências comunitárias em soluções concretas para ameaças específicas”, concluiu a ONG.

Maldivas: Governo local permite que interesses privados destruam os melhores spots de surf do país |  Foto: Ahmed Aznil

A economia do surf em perigo

A Save Our Waves tem parceria com uma organização local independente e participa de reuniões com as partes interessadas para garantir que os ecossistemas de surf sejam parte da estratégia do governo das Maldivas para futuras áreas marinhas protegidas.

A Save the Waves Coalition convida todos a agir e assinar a petição disponível online.

As Maldivas são uma cadeia de cerca de 1200 ilhas no sul da Índia.

A nação insular tem incríveis recursos marinhos, biodiversidade e ecossistemas de recifes.

O surf é uma atividade social e econômica muito importante para a população local das Maldivas, visto que o país está emergindo como um destino de turismo de surf internacional de primeira linha.

A economia nacional do surf também inclui muitos pequenos negócios, incluindo aluguel de barcos de surf, guias de surf e escolas de surf.

No início de 2021, as Maldivas aderiram à Commonwealth Clean Ocean Alliance, que visa proteger 30% dos oceanos do mundo até 2030.

Clique para avaliar este post!
[Total: 0 Média: 0]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui