Um surfista faz “Making Waves” em Marrocos

0
63
oumaimaerhali
oumaimaerhali

Oumaima Erhali é um surfista marroquino. Ela acredita que o surf e o Islã podem coexistir em harmonia.

“Making Waves” é um curta especial de surf. O documentário conta uma história muito simples e comovente, ao mesmo tempo em que faz uma pergunta polêmica. Uma garota muçulmana pode surfar?

Oumaima Erhali tem apenas 17 anos, mas sua paixão pelas ondas nunca acaba. Seu irmão era um ávido guarda costeiro e surfista e faleceu há não muito tempo. Oumaima ficou com a prancha e decidiu surfar.

“Quando eu era criança ele sempre me levava para a praia. Foi quando comecei a jogar com uma prancha de surfe. Quando surfo, eu me lembro disso”, revela Erhali.

“Surfar é como fazer terapia. Aprendi sozinha. Depois de casada, uma mulher não pode mostrar seu corpo. O Islã não é assim. Ser muçulmano vem do coração.”

A sociedade marroquina está evoluindo e as mulheres estão conquistando gradativamente seu lugar no mundo profissional, mas também no esporte. Existem mais oportunidades para meninas como Oumaima. Sua irmã Zineb é a primeira mulher da Guarda Costeira. Ambas as irmãs têm total apoio dos pais.

A jovem Oumaima quer treinar e melhorar seu nível de surf. Mais tarde, sonha em viajar pelo mundo e abrir um clube de surf. Esperançosamente, isso abrirá um novo capítulo para surfistas iniciantes nas belas praias de Marrocos.

“Gosto dela surfando. Não tenho recursos suficientes, mas se tivesse, a ajudaria e a encorajaria mais”, conclui o padre Arbhi Erhali.

Clique para avaliar este post!
[Total: 0 Média: 0]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui