Primeiro acampamento de surf lésbico da América Latina planejado no Brasil

0
87
praiadorosa
praiadorosa

O primeiro surf camp lésbico da América do Sul permitirá que as meninas compartilhem sua singularidade em Santa Catarina, Brasil, de 9 a 16 de maio.

A operadora de turismo Brazil Ecojourneys, que é propriedade de uma lésbica, convida as mulheres a passarem uma semana sozinhas. Nesse caso, os verdadeiros surfistas vão para a Praia do Rosa, lugar já frequentado pela comunidade LGBT local.

“Eu surfo o tempo todo, e geralmente sou a única lésbica, cercada de homens heterossexuais. Vejo que realmente não existem muitas oportunidades para mulheres gays se reunirem e aprenderem a surfar lá. Um ambiente amigável”, explica Marta. Dalla Chiesa, dona da Brazil Ecojourneys.

“Esta é uma oportunidade para um grupo de mulheres de todos os tamanhos, idades, níveis de habilidade e nacionalidades se reunir para aprender um esporte maravilhoso e desfrutar de férias incríveis juntas.”

Os surfistas aprenderão e melhorarão suas habilidades de surfe com Capitão David, o fundador da escola de surfe mais antiga da região. Ele ensinou mais de 15.000 surfistas iniciantes.

O surf camp de cinco dias é projetado para surfistas lésbicas, mas está aberto a todas as mulheres aliadas, familiares e amigas. Santa Catarina oferece praias deslumbrantes e um clima ameno. A Praia do Rosa está localizada em uma baía em forma de lua crescente.

Clique para avaliar este post!
[Total: 0 Média: 0]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui